-->
News

Entrevista - Gabriel Meister


Chegamos a sétima edição, e o “Hulkinho” Gabriel Meister representa a Speed Kart Series, campeões do CEKI em 2017.

RA RACING INTERVIEW: Gabriel, poderia nos contar como surgiu e a trajetória da equipe?
GABRIEL MEISTER: Alan, acredito que, como a maioria de outras equipes de kart indoor do País, a equipe SPEED KART SERIES também surgiu de um campeonato de kart indoor entre amigos. Aquilo que no começo era só uma brincadeira, começou a ficar mais intensa e passou a ser encarada de forma mais séria pelos pilotos/amigos. Na mesma época (2012/2013) começaram a surgir campeonatos de kart indoor por todo o País, inclusive para disputa por equipes, e, então, para participar destes, reunimos alguns pilotos que participavam do campeonato SPEED KART SERIES e montamos a equipe SPEED KART SERIES, com pilotos dos Estados do PR, SC e RS. Em 2013, já subimos ao pódio com o terceiro lugar da primeira etapa do Campeonato Paranaense de Kart Indoor. Tal conquista nos motivou a participar das 500 milhas de kart Indoor da Granja Viana/SP, em que levantamos o troféu de 6º lugar, numa prova com mais de 60 karts de todo o Brasil. A partir de então, tivemos o prazer de ser a primeira equipe a vencer uma prova de longa duração (5 horas) realizada pela RA RACING em 2015. Da mesma forma, tivemos o prazer de ser a primeira equipe a vencer uma prova de 12 horas de duração, realizada pela RA RACING em dezembro de 2016 sob chuva intensa. No ano seguinte (2017), após disputa intensa pelo CEKI, tivemos, novamente, o prazer de ser a primeira equipe a vencer tal modalidade de disputa organizada pela RA RACING, eternizando o nome da FAMÍLIA SPEED naquele troféu maravilhoso confeccionado pela Zanoello, que fica em exposição no hall de entrada do Kartódromo Internacional do Beto Carrero, em Penha/SC. Em 2018 novamente estivemos na briga pelo título do CEKI, sendo vice-campeões, após disputa dura, mas limpa, com a equipe MDK. A nossa meta para o ano de 2019 é conquistar o bi-campeonato do CEKI.

RARI: Qual foi o pior momento da história da equipe?
GM: O pior momento, sem dúvida nenhuma, foi a perda da Dona Berenice (mãe do Marco Brasil), que, na véspera de uma prova de 6h da RA RACING, foi internada na UTI já em estado grave. Aquilo pegou todo mundo de surpresa, deixou todos da equipe em estado de choque, sem saber muito como agir, se participaríamos ou não da prova em respeito ao nosso amigo e seu momento de sofrimento. Para quem não sabe, a Dona Berenice, além de ser próxima para grande parte dos integrantes da equipe, era torcedora fanática, sempre acompanhava e comentava as provas que a equipe participava. Após muita conversa, muito apoio e força ao amigo, ouvimos do “chefe, estrategista e MAGO DA SPEED” que deveríamos participar da prova, independentemente do ocorrido, apesar das emoções bem divididas. Diante disso, nos reunimos em momento anterior a prova, nos concentramos e pedimos para que desse tudo certo. No final, conseguimos levantar o troféu de 2º lugar, prestando uma singela homenagem ainda em vida a Dona Berenice que veio a falecer poucos dias depois.

RARI: Qual foi o melhor momento da história da equipe?
GM: Como melhor momento, cito o ano de 2017. Além do título de campeão do SBKI - SUL BRASILEIRO DE KART INDOOR, nas categorias MASTER, GRADUADOS e SUPER GRADUADOS, por três pilotos da equipe SPEED KART SERIES, tivemos a honra e emoção de gritar “É CAMPEÃO” no primeiro campeonato de Endurance organizado pela RA RACING. Tal conquista foi cercada de muita expectativa, pois o CEKI tinha sido criado pela RA RACING naquele ano e todas as equipes em disputa almejavam o título. Aquele ano foi fundamental para amadurecimento e crescimento da equipe. Em que pese tenham ocorrido muitas discussões e, até, desentendimentos. No entanto, tudo valeu a pena, pois, no fim, inauguramos a galeria de Campeões do CEKI, erguendo pela primeira vez aquele magnifico troféu!

RARI: Como a equipe vem se preparando para o ENDURANCE BETO CARRERO 12 HORAS?
GM: Acredito que, como a maioria das demais equipes de kart indoor, já tivemos altos e baixos e sempre procuramos aprender com os erros e acertos. Todos os erros e acertos são debatidos em reuniões prévias aos endurances, assim como estratégias para a prova. Não há muito segredo ou receita! A questão é estar 100% focado naquilo que se conversou durante as reuniões e procurar fazer o melhor trabalho dentro e fora da pista, pois um Endurance de 12 horas sempre gera muita expectativa, principalmente sendo a prova que define/decide o campeonato, colocando à prova o trabalho de um ano, ou até mesmo anos. Sabemos que a cada prova e cada novo ano, as disputas pelo CEKI estão cada vez mais intensas e acirradas, por fruto de amadurecimento e qualidade dos pilotos de outras equipes que disputam o campeonato, mas, sinceramente, espero que final de 2019 possamos gritar – novamente – É CAMPEÃO! Um abraço a todos da RA RACING e parabéns pelo trabalho em prol do Kart Indoor e, por que não dizer, do Automobilismo!

0 comentários: