Entrevista - Carlos Andrey

RA RACING INTERVIEW apresenta a entrevista feita com um dos responsáveis pela equipe Alligator's Arm - BODEBROWN, equipe do Paraná e que vem se destacando no cenário nacional. Hoje a conversa é com Carlos Andrey, piloto que vem apoiando o Campeonato Catarinense de Kart Indoor e que é conhecido pela dedicação aos treinos.

RA RACING INTERVIEW: A equipe Alligator's Arm - BODEBROWN não esteve presente para disputa da primeira etapa do CEKI 2018, por que a equipe não participou do evento depois de um ótimo resultado no Endurance 12h de 2017?

Carlos Andrey: Nossa equipe sempre prestigiou os eventos da RA RACING por ter umas das melhores organizações do Brasil, por outro lado a equipe sempre gostou de novos desafios e quando se almeja voos mais altos isso fica diretamente ligado a custos. Durante o planejamento feito pela equipe para o ano de 2018 algumas negociações com patrocinadores não estavam concretizadas e isso acabou fazendo com que tivéssemos que abrir mão de algumas coisas no início do ano e a primeira etapa do CEKI foi uma delas.

RARI: A equipe pretende participar das próximas etapas do CEKI 2018?

CA: A intenção de participar sempre existiu, e vamos tentar viabilizar as participações nas etapas restantes.

RARI: No Campeonato Catarinense há uma maciça participação dos pilotos da Alligator's Arm - BODEBROWN, como não misturar questões de equipe em uma competição individual.

CA: Desde a nossa fundação temos um lema muito importante, em campeonatos individuais: "Alligator não alivia para Alligator", disputas sempre duras, porém tentando sempre ser leal ao companheiro que naquele momento é adversário, assim como com qualquer outro piloto do grid.

RARI: Qual a sua expectativa para o Campeonato Catarinense com a presença de tantos pilotos de outros estados? Como esse evento pode mudar os rumos do kartismo nacional?

CA: A expectativa é a melhor possível! Defendemos esse evento desde o início e influenciamos algumas inscrições, o fato de ter muitos pilotos de outros estados só engrandece ainda mais o evento, mas ainda confio que no final o pessoal de Santa Catarina seja maioria esmagadora. O evento eleva o nível para outro patamar, não tenha duvida, e isso será um marco no kartismo Sul Brasileiro.

Galeria

Vídeos

Destaque