Um dos eventos mais esperados do ano, o Veloce Challenge 2018, foi um enorme sucesso em sua terceira edição. Porém o começo do dia foi de muita tensão, inclusive com a possibilidade de cancelamento por causa da forte chuva. A RA RACING buscou com o projeto apresentar este novo mundo aos seus pilotos, oferecer a experiência de pilotar um carro em um autódromo. A experiência não ficou apenas na questão de ter contato com carro, o projeto contemplou curso teórico e prático de pilotagem. O curso foi ministrado pela equipe do Velopark e a MP Racing School.

Todos os pilotos que participaram do curso tinham a disposição 30 voltas no traçado oficial do Velopark, o primeiro grupo entrou ainda com a pista molhada, mas com toda segurança do Veloce, um exemplo de protótipo. Os grupos na sequencia foram criando um trilho, mas isso não impediu um show de rodadas, e sorrisos largos em cada volta aos boxes. O discurso era unânime, a melhor experiência no automobilismo.

A competição começou após os grupos finalizarem suas voltas. O regulamento de Time Trial foi utilizado, 25 pilotos dividiram-se em grupos de 5 e foram à pista. O mais rápido no primeiro Time Trial foi o piloto catarinense Junior Adada com média de 1:27:343, com a pista muito molhada. No segundo Time Trial do dia a vitória ficou com Roger Moraes com a média de 1:15:960. A última competição do dia teve como vencedor o piloto de Concórdia, Santa Catarina, Marcelo Magnani, com a média de 1:14.345.

Todos os pilotos que foram à pista, independente do momento, saíram completamente satisfeitos com pedidos de muitas etapas do Veloce Challenge em 2019.

Os três primeiros em cada uma das baterias:
GRUPO - C1
1 - Junior Adada
2 - João Bedin
3 - Gustavo Bignetti

GRUPO - C2
1 - Roger Moraes
2 - Ari Pereira
3 - Luigi Dambrós

GRUPO - C3
1 - Marcelo Magnani
2 - Rafael Bin
3 - Gilberto Moíses

últimas

Galeria

Vídeos

Destaque